Para conversar, desabafar e discutir
Terça-feira, 10 de Março de 2009

Ontem tive oportunidade de ver uma entrevista ao Dr. Medina Carreira, na SIC (pode ser vista aqui). E foi uma entrevista muito interessante, porque não é costume ver alguém na televisão a dizer que não há esperança para o País enquanto as coisas continuarem assim....Medina Carreira diz que o País está ao serviço dos partidos, quando deveria ser contrário (concordo plenamente).

 

E mais, tratou de bater em tudo quanto mexe: partidos, justiça, educação, parlamento, etc.... Diz que é uma vergonha que as obras públicas custem 2, 3 ou 4 vezes mais sem que ninguém seja investigado ou responsabilizado. Segundo ele "alguém ficou com o dinheiro"....

 

Este senhor defende medidas de excepção para resolver o problema: acabar com o regime parlamentar como o conhecemos e instituir um regime presidencialista durante 5 anos apenas (para que o presidente não se habitue a gostar do lugar) com poderes para instituir as mudanças necessárias. Basicamente para tentar acabar com a cultura do tacho e com a corrupção instalada que impede o país de se desenvolver e andar para a frente, apesar dos muitos milhões que recebemos da união europeia nos últimos anos.

 

Houve ainda um outro dado interessante lançado para a conversa: O crescimento de Portugal na década 2000-2010, será semelhante ao que se verificou no início do século XX (entre 1900 e 1910). Tirando a década da 1.ª Guerra Mundial, desde 1910 que não tínhamos um crescimento tão baixo. Dá que pensar.... 

 

Devo dizer que concordo com quase tudo o que foi dito na referida entrevista. Eu também não acredito muito no caminho que estamos a trilhar. Os nossos políticos são o que são, reflexo do resto da sociedade em geral que não chegou a aprender a viver em democracia e o País continua atolado na corrupção cada vez mais descarada, mas que continua a passar impune. Ou não...afinal o Vale e Azevedo foi condenado (embora exista alguma dificuldade em apanhá-lo para fazer cumprir as sentenças), por isso acho que está tudo bem. Alguém acredita que há mais algum corrupto ou vigarista em Portugal, sem ser o ex-presidente do Benfica????

 

A verdade é que a insatisfação popular é cada vez mais evidente, mas se nem o nosso actual Presidente (ex-Primeiro Ministro que no seu tempo também recebeu milhões da UE sem que conseguisse dar-lhe um destino convincente e utilizou a estratégia da construção ao desbarato para diminuir o desemprego) tem soluções para a crise, quem sou eu para as ter. 

publicado por vml às 10:07

Há muitos anos atras ouvi uma frase que para sempre ficou.
"Servir nao implica servilismo. Nem tao pouco que se sirvam"

Votamos em politicos que estao para servir a vontade do povo. Nao para servir a familia partidaria e muito menos para que se sirvam.
Contudo, somos um pais de brandos costumes. Quem tem poder fica em casa com guarda à porta... se é que se consegue provar algo...
É interessante ver que o Vale e Azevedo é facilmente contactavel para entrevistas, contudo a justiça portuguesa nao lhe consegue enviar uma intimidaçao para que se apresente em tribunal... é, no mínimo ridiculo...

Como diria um grande amigo meu, o ultimo a sair de Portugal, que apague a luz e corte a agua... senao continua a pagar...
Nuno a 12 de Março de 2009 às 16:23



mais sobre mim
pesquisar
 
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
24
25
26
27
28

29
30
31


últ. comentários
Mas depois da foto tirada já se pode abusar. Já nã...
Nao gosto de opinar sobre o que nao vi.Confio plen...
Tenho tido mais que fazer....
Já actualizavas o blog...:D
Há muitos anos atras ouvi uma frase que para sempr...
Obrigada pelas boas vindas.
Mtos parabéns! Já tou a ver que tb foste picada pe...
Faço minhas as palavras da "Mau-feitio" (desculpa ...
Obrigadinha pelas boas vindas. : )
Seja muito bem-vinda pois então.
arquivos