Para conversar, desabafar e discutir
Quinta-feira, 29 de Outubro de 2009

Voltei. Não sei por quanto tempo, mas agora até há alguns assuntos para comentar (como as vitórias do Benfica), por isso vou tentar acualizar mais vezes o estaminé. Disse, vou tentar, espero conseguir.

 

Para começar há um novo Governo no país... quer dizer não totalmente novo. Apenas mais ou menos "renovado", desta vez com cinco, digo bem, cinco gajas, quer dizer, senhoras. Vamos ver o lado feminino consegue fazer alguma coisa de jeito, embora me pareça que o objectivo primordial do Governo é cair o quanto antes, com a desculpa que a oposição não permite governar, para depois voltar com maioria absoluta. Vamos ver se a oposição cai na esparrela...

 

Nas Câmaras Municipais é em muitos casos mais do mesmo, se bem que para alguns está a chegar o fim da linha, já que nas próximas eleições não poderão recandidatar-se. Já se diz que os próximos 4 anos será um fartar vilanagem em muitas edilidades deste país à beira mar plantado. Bom, eu sei de alguns casos em que o fartar vilanagem começou há muito tempo, portanto não haverá nada de novo. Contudo, devo realçar o excelso pontapé no traseiro que levaram alguns vencedores crónicos, como a sr.ª Felgueiras, o sr. Ferreira Torres e o sr. Miranda. O Valentim e o Isaltino, bom esses são como as pilhas: e duram, duram...

 

Chega de política, que começo a ficar mal disposta.

 

Espero voltar em breve .

publicado por vml às 11:06

Sexta-feira, 26 de Junho de 2009

Hoje acordei com uma notícia que dificilmente deixará alguém indiferente. Michael Jackson morreu....

 

Apesar de podermos gostar mais ou menos da personagem e da sua música e vida, não se poderá negar a influência que este ícone dos anos 80 teve na música e no mundo. A sua capacidade para cativar multidões com a sua música e a sua dança eram absolutamente invulgares e utltrapassavam todas as fronteiras, credos ou raças e a loucura associada nem se pode considerar algo estranho, já que todos os génios têm alguma.

 

A sua legião de fãs, não ficará certamente atrás de monstros sagrados como os Beatles ou Elvis Presley. E apesar de todos os problemas que ocorreram na sua vida pessoal nos últimos 15/20 anos, continuava a ter imensos admiradores por todo o mundo que viam muito para além da personagem excêntrica em que se havia transformado, também com a ajuda da comunicação social sempre ávida de escândalos e que tratava qualquer ocorrência da vida de Michael Jackson como um circo mediático. Na verdade, há (hoje mais do que nunca) quem  persista em ver e ouvir apenas o jovem de Thriller, Billie Jean, Beat it e tantas outras músicas que perdurarão muito para além do seu intérprete.

 

A música ficou hoje mais pobre, porque desapareceu de entre nós um dos seus mais importantes intérpretes de sempre (para o bem e para o mal). Para mim, fica a tristeza por não ter sido possível que Michael tivesse uma vida mais "normal" que lhe permitisse ter tido uma carreira mais longa com mais músicas e danças inovadoras e espantosas, tal como Thriller que foi, é e continuará a ser uma das minhas músicas e vídeo preferidos.

 

Ah! E que pena não ter tido oportunidade de o ver actuar ao vivo.....

 

P.S. - Hoje (ontem), depois de uma luta cruel e violenta contra o cancro, que infelizmente não conseguiu vencer, também desapareceu uma das mulheres fetiche dos anos 70 - Farrah Fawcet. Que ambos estejam felizes e em paz, onde quer que estejam.

publicado por vml às 14:18

Segunda-feira, 15 de Junho de 2009

O fim de semana passado foi a vez da gaja com Mau Feitio passar para o clube das mulheres casadas, no próximo é a vez do meu "primo" Filipe. Segundo "inside informations" (dos próprios noivos) no próximo sábado vai haver fonte de chocolate e tudo, para o pessoal molhar a fruta...Ou seja, anda uma gaja a fazer "dieta" para ir com corpinho de sereia (sem a barbatana) para o casório e depois espetam fontes de chocolate para usar e abusar. Não há direito...

 

P.S. - Sónia quando voltares da lua de mel, vê lá se "postas" umas fotos do casamento e da viagem....

publicado por vml às 14:47

Segunda-feira, 23 de Março de 2009

E muito, muito tempo depois o Benfica voltou a ganhar um troféu... A importantíssima Taça da Liga (ou Carlsberg Cup, à inglesa). E é mentira que o Benfica tenha ganho graças a um erro de arbitragem, porque afinal de contas não foi o árbitro que falhou três, vou repetir, três grandes penalidades. O Sporting perdeu graças, não a um erro de arbitragem, mas a três erros grosseiros dos seus jogadores.

 

Para além disso, é possível confirmar aqui, que no golo dos verde-e-brancos também há uma falta não assinalada. Já para não falar no "parte-ossos" Derlei, que em qualquer local do Universo teria sido expulso duas ou três vezes, mas que com a complacência dos árbitros portugueses (que pelos vistos gostam de levar peitadas quando expulsam jogadores) consegue acabar todos os jogos sem ver sequer um amarelo. Mas lembrei-me agora que este mesmo jogador há dois anos atrás foi alvo de um sumaríssimo porque acertou na cara de um adversário que estava atrás dele. Afinal o problema não é do jogador é da camisola que veste.

 

Acima de tudo este jogo serviu para a maria madalena que responde pelo cognome de Paulo Bento, continuar a derramar lágrimas de crocodilo e pedir que "pelo menos o deixem ficar em segundo lugar" e para a comunicação social continuar a fazer escândalos cada vez que o Benfica é beneficiado no que quer que seja.

 

Só é pena que não façam estes escândalos quando o Benfica é prejudicado, algo que também já aconteceu (e muito) esta época.

 

Para terminar, nunca gostei de ganhar com benefícios, mas já começo a aprender a gostar tendo em conta que todos os outros ganham assim e ficam sempre felicíssimos.

publicado por vml às 11:43

Terça-feira, 10 de Março de 2009

Ontem tive oportunidade de ver uma entrevista ao Dr. Medina Carreira, na SIC (pode ser vista aqui). E foi uma entrevista muito interessante, porque não é costume ver alguém na televisão a dizer que não há esperança para o País enquanto as coisas continuarem assim....Medina Carreira diz que o País está ao serviço dos partidos, quando deveria ser contrário (concordo plenamente).

 

E mais, tratou de bater em tudo quanto mexe: partidos, justiça, educação, parlamento, etc.... Diz que é uma vergonha que as obras públicas custem 2, 3 ou 4 vezes mais sem que ninguém seja investigado ou responsabilizado. Segundo ele "alguém ficou com o dinheiro"....

 

Este senhor defende medidas de excepção para resolver o problema: acabar com o regime parlamentar como o conhecemos e instituir um regime presidencialista durante 5 anos apenas (para que o presidente não se habitue a gostar do lugar) com poderes para instituir as mudanças necessárias. Basicamente para tentar acabar com a cultura do tacho e com a corrupção instalada que impede o país de se desenvolver e andar para a frente, apesar dos muitos milhões que recebemos da união europeia nos últimos anos.

 

Houve ainda um outro dado interessante lançado para a conversa: O crescimento de Portugal na década 2000-2010, será semelhante ao que se verificou no início do século XX (entre 1900 e 1910). Tirando a década da 1.ª Guerra Mundial, desde 1910 que não tínhamos um crescimento tão baixo. Dá que pensar.... 

 

Devo dizer que concordo com quase tudo o que foi dito na referida entrevista. Eu também não acredito muito no caminho que estamos a trilhar. Os nossos políticos são o que são, reflexo do resto da sociedade em geral que não chegou a aprender a viver em democracia e o País continua atolado na corrupção cada vez mais descarada, mas que continua a passar impune. Ou não...afinal o Vale e Azevedo foi condenado (embora exista alguma dificuldade em apanhá-lo para fazer cumprir as sentenças), por isso acho que está tudo bem. Alguém acredita que há mais algum corrupto ou vigarista em Portugal, sem ser o ex-presidente do Benfica????

 

A verdade é que a insatisfação popular é cada vez mais evidente, mas se nem o nosso actual Presidente (ex-Primeiro Ministro que no seu tempo também recebeu milhões da UE sem que conseguisse dar-lhe um destino convincente e utilizou a estratégia da construção ao desbarato para diminuir o desemprego) tem soluções para a crise, quem sou eu para as ter. 

publicado por vml às 10:07

Segunda-feira, 09 de Março de 2009

 

Antes do fim... vem o início, por isso penso que devo iniciar a minha aventura na blogosfera com um post de "apresentação", do blog, não de mim...

 

Pretendo antes de mais, ter um sítio para colocar as minhas inquietações, dúvidas , alegrias, mas também para opinar sobre o que se vai passando na vida de todos nós e ouvir as opiniões que quem tiver paciência para me ler.

 

E pronto, para primeiro post já chega... 

publicado por vml às 11:31


mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


últ. comentários
Mas depois da foto tirada já se pode abusar. Já nã...
Nao gosto de opinar sobre o que nao vi.Confio plen...
Tenho tido mais que fazer....
Já actualizavas o blog...:D
Há muitos anos atras ouvi uma frase que para sempr...
Obrigada pelas boas vindas.
Mtos parabéns! Já tou a ver que tb foste picada pe...
Faço minhas as palavras da "Mau-feitio" (desculpa ...
Obrigadinha pelas boas vindas. : )
Seja muito bem-vinda pois então.
arquivos
subscrever feeds